terça-feira, 23 de outubro de 2012

Área de Proteção Ambiental de Itupararanga - Votorantim/SP

A Área de Proteção Ambiental (APA) de Itupararanga foi criada pela Lei Estadual nº 10.100, de 01 de dezembro de 1998 e alterada pela Lei Estadual 11.579 de 02 de dezembro de 2003, cujo objetivo é o uso sustentável e conservação ambiental. A área de da APA corresponde à área da bacia hidrográfica da Represa de Itupararanga, que inclui os municípios de Alumínio, Cotia, Ibiúna, Mairinque, Piedade, São Roque, Vargem Grande Paulista e Votorantim, com área total de 93.356,75 hectares. A realização da APA é fruto de diversos estudos efetuados inicialmente pela UNISO - Universidade de Sorocaba.
A represa de Itupararanga foi construída pela Light, em 1911. A usina teve seu funcionamento iniciado em 1914. Possui um lago com canal principal de 26 km de extensão e 192 km de margens, em uma área de 936 km². O volume útil estimado é de 286 milhões de m³. A usina, com potência instalada de 55 MW e produção média anual de 150 Gwh, é utilizada apenas pelas indústrias do Grupo Votorantim, como a Fábrica de Cimento Votoran, em Santa Helena e a Companhia Brasileira de Alumínio - CBA, em Alumínio.
A barragem tem 415 m de comprimento e altura de 38 m, com queda bruta de 206 metros e vazão máxima de 39,12 m³/s. Foi construída no canyon do rio Sorocaba, na Serra de São Francisco. Abastece Ibiúna 100%, Sorocaba 74%, Votorantim 92% e São Roque 32%[1] e outras cidades vizinhas, irriga centenas de propriedades agrícolas nos arredores e é, graças à beleza de sua paisagem e às opções de lazer que oferece, um dos principais pólos de atração turística da região. Um patrimônio econômico e ambiental de águas não poluídas, cercadas por trechos de mata também razoavelmente preservados. Para conservar a saúde de Itupararanga e a qualidade de vida das milhares de pessoas que, de alguma forma, estão ligadas à represa e à região, surgiu a S.O.S Itupararanga.
O lago do reservatório de Itupararanga situa-se no Planalto Atlântico, em domínio de rochas cristalinas do embasamento, mais precisamente, na adjacência do flanco sul do Maciço Granítico São Francisco, que sustenta a serra homônima, porém estendendo-se dominantemente sobre os metassedimentos do Grupo São Roque. Os vales dos rios Sorocabuçu e Sorocamirim, preenchidos pelo reservatório, são controlados por importantes zonas de cisalhamento transcorrentes destrais, como as chamadas falhas de Taxaquara e Falha de Pirapora. A barragem está no canyon do rio Sorocaba, sobre o Granito São Francisco que possui as maiores elevações topográficas dessa região.

 Trajeto.

Uma parada para observar toda paisagem.....
Início do por do sol na Represa da Light

 Fim do por do sol na Represa da Light

Hora de ir para casa....
 Cachoeira próxima a adutora
 Estrada da Capela da Penha.
 Braço da Represa em Alumínio/SP....
 Arredores da represa....
 Arredores da represa....
 Arredores da represa....
 Momento de rara beleza....
 Uma das represas que ficam na área interna do complexo.
 Barragem da Light.

4 comentários:

  1. Adorei as fotos !! super bem feitas !! amo esse lugar !!!! qual camera vc usou ??? fotos maravilhosas !!!! sucesso p/ vc !!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ola, tudo bem? Obrigado por acompanhar nosso site. Usamos uma Fuji S2800HD. Abraços.

      Excluir
  2. Boa noite.

    se vcs pudessem recomendar uma das duas motos, qual seria? estou na duvida de qual comprar e como utilizaram a XRE 300 e a TENEREZINHA as quais estou na duvida gostaria de saber qual delas foi melhor para a viagem.

    Obrigado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom dia Paulo, tudo bem? Obrigado por acompanhar nosso blog. Sobre as duas motos (XRE e Ténéré250), podemos dizer que são equivalentes, com pequenas vantagens e desvantagens entre si. A XRE tem a vantagem de ter um pouco mais de potência e maior facilidade de conseguir peças, se necessário. A Ténéré possui suspensão mais elevada e "bolha", que melhoram o conforto, além de um tanque de combustível maior ( 4 litros a mais q a XRE). A escolha vai mais do gosto de cada um, pois pudemos observar que ambas enfrentaram as dificuldades com a mesma desenvoltura.Espero que tenha ajudo.
      Um grande abraço!!!!

      Excluir